SINATRAN, contribuindo para a construção de um trânsito mais humano

 

Precisamos ser mais corajosos, não apenas esperar que os outros façam, ou que as coisas aconteçam por acaso, devemos arregaçar as “mangas” e trabalharmos de forma coesa para a construção de um trânsito mais humano, onde os condutores sejam mais educados, corteses e solidários. Como podemos conseguir isso? Devemos começar respeitando nossos semelhantes, seja ele quem for, sem distinção de raça, sexo, religião, etc. Todos nós podemos viver em harmonia e respeito, principalmente quando estivermos conduzindo um veículo, sem querer tirar vantagem em tudo, sem querer ser o mais “esperto” sempre.

Temos que, não apenas cobrar, mas também exigir nossos direitos, para que os órgãos e entidades competentes que compõem o Sistema Nacional de Trânsito (SNT) cumpram com suas obrigações legais de tal forma que possam proporcionar um trânsito seguro, que é um direito de todos e dever de tais órgãos.

O SINATRAN – Sindicatos dos Agentes de Trânsito de Goiânia, representante legal desta categoria no município, sabe que todos os agentes de trânsito são peças-chaves e fundamentais neste processo de transformação, diante disto ressaltamos nossa intenção de ajudar a construir um trânsito seguro, com respeito ao ser humano, contribuindo na conscientização dos usuários da via, esclarecendo seus direitos e deveres. Entendemos que a estrada a ser percorrida será longa, mas não poderemos parar, desistir jamais, algo precisa ser feito para que o trânsito deixe de ser uma verdadeira selva sem leis.

Nossos sinceros agradecimentos, para aqueles que confiaram e estão confiando no nosso trabalho, aos nossos colaboradores, que, gentilmente e sem ônus, auxiliam com matérias, colunas especiais e artigos. Estes com certeza sabem que esperar não é saber, pois “quem sabe faz a hora, não espera acontecer”.

TKS a todos.

Clauber Maia – Diretor Presidente

 

 



DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O conteúdo dos comentários deixados neste website são de responsabilidade exclusiva de seus autores.